Post fixo

Huxley Crítico Musical

por João Marcos Coelho * O mundo conhece o escritor britânico Aldous Huxley (1894-1963) como o autor da maior distopia do século xx, Admirável Mundo Novo (1932), e ao mesmo tempo ícone da geração beatnik com seus livros As Portas da Percepção (1954) e Céu e Inferno (1956) sobre os efeitos da mescalina. Fala-se muito de sua amizade com o compositor Igor Stravínski e também … Continuar lendo Huxley Crítico Musical

Post fixo

Qual é a Importância de Falarmos de Teatro Hoje?

Por Chayenne Orru Mubarack “O teatro é uma perversidade milenar pela qual a humanidade é doida e é profundamente doida por ela porque é profundamente doida pela sua mentira e em nenhuma parte desta humanidade a mentira é maior e mais fascinante que no teatro” “Se formos honestos o teatro é em si um absurdo mas se formos honestos não podemos fazer teatro nem podemos se … Continuar lendo Qual é a Importância de Falarmos de Teatro Hoje?

Post fixo

Direitos Humanos Para Todos (Teoricamente)

Pacelli Dias Alves de Sousa Possivelmente inspirada pela anterior declaração de Thomas Jefferson, a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão – discutida e aprovada pela Assembléia Nacional da França, em 1789, logo após a queda da Bastilha – culminou e estabeleceu um modelo de pensamento sobre o Homem e, especificamente, o Homem em sociedade, permanecendo como uma forte frente discursiva por séculos adiante, … Continuar lendo Direitos Humanos Para Todos (Teoricamente)

Post fixo

Ao Mestre Com Algum Niilismo: O Diálogo Entre José Sérgio de Carvalho e Hannah Arendt

Lucas Bento Pugliesi Em sala de aula, discutia com os alunos algumas reflexões de Jacques Derrida sobre o conceito fugidio da “amizade”. Dizia que, de alguma forma, quando eu começava a falar e eles, ali presentes, começavam a ouvir, instaurava-se já sorte de assimetria que passava a guiar a partir dali o rumo da discussão. Então eles seriam obrigados a responder (ainda que só ouvindo) … Continuar lendo Ao Mestre Com Algum Niilismo: O Diálogo Entre José Sérgio de Carvalho e Hannah Arendt

Post fixo

Décio de Almeida Prado: A Consciência Teatral de São Paulo

*Discurso de saudação a Décio de Almeida Prado, lido na sessão em que lhe foi outorgado, em caráter póstumo, o título de Professor Emérito da Universidade de São Paulo. Esse evento foi realizado no dia 29 de novembro de 2001, no Salão Nobre do Prédio da Administração da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP. Texto retirado do volume  Teatro em Progresso: Crítica Teatral … Continuar lendo Décio de Almeida Prado: A Consciência Teatral de São Paulo

Post fixo

Anatol, o construtor

Julia Izumino Qual o papel de um crítico? Seus deveres, responsabilidades, objetivos a cumprir? O que o diferencia de um intelectual? Porque nem todo pensador constrói críticas, isso sabemos, por mais que todo pensamento emita um valor. Criticar e valorar, portanto, são movimentos diferentes. Não excludentes. Às vezes complementares. E o que faz de alguém um bom crítico? Como julgamos aquele que cria categorias de … Continuar lendo Anatol, o construtor

Post fixo

Presença de Pirandello no Brasil

Annateresa Fabris e Mariarosaria Fabris*   Embora seja um autor bastante estudado nos cursos de Literatura Italiana, Pirandello nunca foi objeto de uma análise sistemática que evidenciasse sua fortuna crítica no Brasil ou o possível diálogo de dramaturgos e escritores brasileiros com sua vasta produção. Quando muito, foi proposto um paralelo entre seu humorismo e a ironia de Machado de Assis, como atestam a introdução … Continuar lendo Presença de Pirandello no Brasil

Post fixo

Sarduy Por uma Escritura do Corpo

Pacelli Dias Alves de Sousa A partir das mais diversas fontes, de entrevistas à romances, Severo Sarduy sempre fez questão de se autodeclarar um herdeiro de José Lezama Lima. Se Lezama foi considerado um mestre por muitos escritores cubanos do século XX, Sarduy segue sendo aquele cujo nome é mais rapidamente associado ao autor não só de Paradiso, mas de um universo e mitologia próprias. … Continuar lendo Sarduy Por uma Escritura do Corpo

Post fixo

Sobre a Cosmopolítica da Nostalgia

Lucas Bento Pugliesi Quando os gregos partiram em direção à Troia em busca de Helena, o homem ocidental tornou-se como que obcecado pelo espaço, pelo transpor e, eventualmente, pelo conquistar. Se para a Ilíada o homem valoroso é aquele que perece em campo de batalha, na Odisseia será justamente o outro, que retorna são. A glória pelo “nostos”, o retorno, o caminho do nômade que … Continuar lendo Sobre a Cosmopolítica da Nostalgia

Post fixo

A Denúncia e a Luta Contra um Genocídio Continuado: A Atualidade de Abdias Nascimento

  Teófilo Reis “Em certo momento, na assembleia geral do colóquio, quando os delegados oficiais do Brasil tentavam me silenciar, levantei a voz e me identifiquei não como representante do Brasil, mas como um sobrevivente da República dos Palmares. É nesta qualidade que me reconheço e me confirmo neste trabalho”. É com esse parágrafo que Abdias Nascimento encerra o prólogo de O Genocídio do Negro … Continuar lendo A Denúncia e a Luta Contra um Genocídio Continuado: A Atualidade de Abdias Nascimento