Os Animais Domésticos e Outras Receitas

Paella
Luana Chnaiderman*

Para que não se dissolva no caldo, o peixe deve ser de carne branca e firme, fresco, os olhos vivos em gelatina, sem marcas de sangue ou tempo. Um peixe que conte das coisas do mar, guelras de brilho e escamas de prata.

Camarões de sete barbas. Guarda as cabeças.

Frango, a carne sobre o fêmur, a carne escura da ave. Um frango feliz, orgânico sob o sol. Desossa.

Porco. Pedaços. Tira os ossos, a pele, o pelo. Um quilo. Corta em cubos.

Polvo. Um polvo gigante, tentacular. O maior polvo que houver.

Dorothea tem vontade de vestir o polvo sobre a cabeça como se fosse um chapéu, vontade de namorar o polvo. Os tentáculos cordas nunca mais a deixariam e ela casaria com o polvo e moraria no fundo do mar. Dois quilos. Compra.

AnimaisDomesticos_polvo_pt1

Lulas argentinas, rodelas. Pede para separar e guardar a tinta das lulas. As lulas são como beijos. Guarda.

Pimentões vermelhos. Três. Que estourem de brilho. Leva.

E mexilhões. Se as conchas não abrirem: veneno. Já era. Ensinamento da mãe.

Para o caldo: salsão, cebola, cenoura e as cabeças. Pistilos da flor do açafrão embrulhados em papel de seda. Preço de ouro, mais caro que o ouro (quanto pesa uma corrente, um anel, um brinco?), um pistilo de flor tem quase o peso do ar.

Cebola, alho, sal e linguiça portuguesa. Azeite.

Doura a cebola, o alho, acrescenta o porco, o frango até tostar no azeite quente.

Derrama o arroz, salpica açafrão, rega com o caldo do peixe. Separa as lulas, namora o polvo.

Os camarões por último. Os pimentões em rasgo vermelho sobre o arroz. Os moluscos, animais de corpo mole.

Onde andará a mãe?

Abre o vinho, sente os vapores do mar da terra do céu.

Serve.

Os mexilhões permanecem fechados em suas cascas. Experimenta o arroz, cada uma das carnes. Bebe o vinho. Deixa os mariscos por último. Abre-lhes a concha com faca.

Come todos,

um a um.


*Conto extraído do volume Os Animais Domésticos e Outras Receitas.


Luana03

 

 

 

LUANA CHNAIDERMAN é Escritora e professora e autora de Minhocas (CosacNaify) e Fuga (FTD). Os Animais Domésticos e Outras Receitas é seu primeiro livro para adultos.


 

Animais domesticos_AC01.png

Como quem nos convida para um jogo, Luana Chnaiderman nos seduz. Traz-nos para dentro de sua casa e cozinha. Embala-nos com o seu perfume, temperos e sabores de sua panela e então nos leva e eleva a uma outra dimensão existencial, essencial, onírica, poética e profunda. Mestra da palavra, ela nos arrebata com os surpreendentes achados e combinações poéticas nos contos de Os Animais Domésticos e Outras Receitas, com um cardápio de
situações nas quais ordinário e extraordinário se encontram e se complementam.

O livro de Chnaiderman inaugura a nova coleção Arranha-céu, da editora Perspectiva, dirigida pela autora e dedicada à literatura de ficção de novos autores de língua portuguesa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s